Estado presta auxílio a municípios atingidos por desastres
08/10/2019 - 15:27

O mês de setembro castigou os paranaenses, que sofreram com diversos desastres como vendavais, granizo, estiagem e incêndios florestais: ao todo foram 50 desastres em todo o Estado, sendo os piores aqueles provocados por vendavais e granizo.  Cinco dos municípios atingidos decretaram situação de emergência em virtude dos estragos causados pelos desastres.

O Estado, por meio da Defesa Civil, enviou materiais de ajuda humanitária para auxiliar esses municípios, que tiveram a sua capacidade local de resposta afetada, no atendimento à população. A Coordenadoria Estadual da Defesa Civil continuará a acompanhar e apoiar a situação dos municípios atingidos até que a normalidade seja restabelecida.

Ajuda Humanitária – O apoio do Estado totalizou mais de 17 mil telhas, 200 colchões e 200 kits dormitório. Após triagem prévia, cabe as prefeituras encaminhar a distribuição de maneira que as pessoas mais vulneráveis afetadas pelos desastres possam se recompor e diminuir as suas perdas. A ajuda permite que o município possa voltar mais rapidamente à normalidade. Os municípios que receberam essa Ajuda Humanitária foram: Carambeí, São João do Triunfo, Teixeira Soares e Contenda.

Rapidez e Tecnologia – A Defesa Civil do Estado presta suporte 24 horas aos municípios por meio do Centro Estadual de Gerenciamento de Riscos e Desastres - (CEGERD). Isso permite que as demandas sejam atendidas com a rapidez necessária à emergência. A plataforma sistematizada também permite que os documentos, necessários para a comprovação dos danos e a viabilização do suporte, sejam preenchidos rapidamente.

Situação de Emergência – É quando a capacidade de resposta do município é afetada, e ele não consegue atender a todas as demandas por si. Nesses casos é necessário o apoio do Estado e da União para que o município possa se recuperar dos danos e prejuízos ocasionados pelo desastre.

 “Defesa Civil Somos Todos Nós”